NOSSO BLOG

A escassez de água e o uso de supressores como alternativa para o controle de poeira

Além da água, o mercado oferece outras tecnologias de controle de emissões, dentre elas os supressores, cuja utilização têm se intensificado entre as empresas, apresentando resultados cada vez mais promissores.

O emprego dos supressores de poeira torna-se mais comum motivado, especialmente, pelas seguintes razões:

  •  A água é um recurso escasso. A alta demanda por água associada aos períodos secos podem dificultar a adoção deste controle;
  • Estudos aplicados têm demonstrado que o controle por umectação com água no Brasil tem sido eficaz somente durante 15 minutos, aproximadamente;
  • A manutenção do controle via umectação com água requer infraestrutura e mão-de obra dedicadas com custos consideráveis associados.

Em contrapartida, os supressores apresentam como vantagens:

  • Menor infraestrutura e mão-de-obra quando comparadas ao uso de água: O polímero requer aplicação periódica, cuja frequência varia conforme fabricante e concentração. De maneira geral, a reaplicação do supressor é menos frequente do que a da água.
  • Eficiência de controle superior: valores encontrados em literatura sinalizam que os supressores em via não-pavimentada detêm eficiência de 84% ao passo que a eficiência da umectação com água varia entre 10 e 74% (COUNTESS ENVIRONMENTAL, 2006).
  • Menor consumo de água: via de regra, a água é utilizada para a diluição do produto que em associação com a menor frequência de reaplicação do supressor, resultando em uma redução do consumo de água.

O mercado oferece uma vasta cartela de supressores (orgânicos, a base de petróleo ou não, sintéticos, dentre outros). Qual seria o mais adequado para a sua empresa e em qual diluição?

Para obter essa resposta, se faz necessário um estudo para verificar os pontos fracos e fortes associados aos controles existentes, a fim de sugerir melhorias para uma gestão ambiental mais eficiente de sua empresa.

Além disso, a QualityAmb oferece aos clientes o Fitosoil Forte, um estabilizador eficiente biodegradável que quando aplicado em superfícies naturais e em vias não pavimentadas ou pavimentada, possibilita controlar a emissão de poeira obtendo uma melhor estabilidade química das características estruturais do solo.

Gostou do conteúdo? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp